quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

2011: Foi tarde



Vou ser muito breve na retrospectiva desse ano, ok?

Meu ano se resumiu a pressão, principalmente na faculdade. Esses dois semestre foram péssimos academicamente falando. Minha faculdade foi vendida e lá veio mudanças repentinas, diminuição de médias, novos valores, novas regras e consequentemente uma qualidade de ensino mais baixa do que o normal e como resultado minha decepção em relação as minhas escolhas e aos meus desejos profissionais futuros. Resumindo, eu estou terminando esse ano mais perdida e com medo do que nunca.

Pessoalmente falando, o meu ano foi surpreendente. Aconteceram coisas que durante a minha vida toda eu acreditei que não pudessem acontecer. Eu encontrei alguém que achei que fosse impossível encontrar. Foi aí que eu entendi que a vida surpreende. Aprendi que dividir sonhos e conquistas é mais legal do que guardar tudo só pra si. Eu vi que quando você ignora o amor ele se revolta e te derruba com um tropeço. Eu achava que não amaria alguém tanto assim e pouco tempo depois lá estava eu chorando de saudade quando tinha acabado de ver tal pessoa.

Eu cultivei amigos queridos que me fizeram rir durante um ano inteiro. Amigos que eu trouxe do ano passado, amigos que apareceram no meio do ano, amigos que ouviram, amigos que apesar de pequenas irritações continuaram a me querer por perto e amigos, um em especial, que passou rápido por mim há alguns anos atrás e resolveu ficar por aqui no meu coração. (Alô, Adl)
Eu perdi a amizade de alguns, mas como um dia eu já falei, entre pousos e decolagens a gente ganha e perde coisas, cumprimenta e se despede de pessoas.

Esse ano eu amadureci, mudei meus planos, meus desejos, meus sonhos e no ano que vem eu espero que tudo isso continue. Espero me esforçar mais, espero ter pessoas tão queridas do meu lado, espero que nada de mal me aconteça e se isso acontecer eu quero poder passar por tudo de cabeça erguida. Quero ser mais forte do que eu jamais fui nesses 20 anos de idade.

Obrigada por me acompanharem nesse ano. É bom saber que alguém gosta um pouquinho que seja do que eu escrevo. Obrigada pelo carinho. Continuem comigo se puderem, aqui só fica quem gosta.
Todos os posts de 2011 aqui.

Obrigada 2011.
Seja bom pra todos nós 2012.

Amor, Ana
Flangos, Severos, Lucas ♥