sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Monotonia

Saudações aos fantasmas que passam por aqui (e olha que eu sei que passam alguns)
Quanto tempo sem vir aqui? pra mim duas semanas ja é muito tempo, viu. Hoje não tenho um assunto determinado pra falar, queria que meu dia não fosse tão monótono, só pra dizer que hoje postei no blog, estranho dizer como você ta passando os seus dias pra ninguém, quem é que se importa? Mas dai eu penso que é bom deixar expressa as suas vontades, seus sentimentos em algum lugar, pra que um dia você possa recordar. Enfim, não tenho feito nada de especial nos últimos dias, eu to seguindo uma rotina, e o pior é que eu não tenho nem direito de reclamar, porque é você quem faz as coisas acontecerem, e pra mudar isso você obviamente tem de fazer algo, não?
Há uns dois anos atrás eu confesso, não sabia o que era viver(acho que ainda não sei), vivia trancada no meu quarto, dormindo vendo as porcarias na tv, alugava um filme uma vez ou outra e esses por hora me despertavam algum sentimento, lia um livro que eu supostamente ja havia lido, dormia, tentava atualizar os meus blogs anteriores que com o desinteresse no decorrer do tempo forão excluidos e esquecidos, as vezes eu acho que isso vai começar tudo de novo, mas eu acabo mudando de idéia graças a algum desconhecido que ao me dizer meia dúzia de palavras, muda meu mode de pensar. Agora não preciso de ninguém pra me aconselhar porque eu ja acabei acostumando, o que se tem a fazer quando as coisas começam a ficar muito repetitivas é procurar alternativas, lugares novos, pessoas novas, atitudes novas, mas o meu problema é que eu sou dependente de companhia, eu não consegui fazer nada se não tenha alguém do meu lado, e quem costumava fazer isso mudou, mas eu não quero entrar em muitos detalhes ja que essa história de mudança faz parte da vida e a gente tem que se abtuar a isso. Mas o que fazer para substituir pessoas insubstituiveis? Eu to me poupando de pensar muito, porque tem certas questões que exigem demais de você, e eu ando tão peguiçosa que isso me impede. Ahhh e não é que minha cabeça ja se confundiu toda escrevendo isso? Ja chega, eu só consigo pensar em deitar e dormir o resto da tarde ensolarada de hoje. É, eu sei só pode ter alguma coisa de errado comigo pra eu trocar uma tarde ensolarada de sexta feira pela minha cama, vou tratar de fazer algo a respeito...depois que eu acordar, claro.

xoxo.