segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Red menace

Clementine: Eu te conheço? Você faz compras na Barnes & Noble?
Joel: Claro

 Clmentine: É isso! Eu já te vi, cara! Sou uma escrava dos livros há...cinco anos agora.

Joel: Cinco anos? Eu teria me lembrado de você
Clementine: Deve ser o cabelo
Joel: Por quê? 
Clementine: Mudo muito. A cor. É por isso que pode não ter me reconhecido. Chama-se ruína azul. A cor.
Joel: Entendi.
Clementine: Nome bacana, né? 
Joel: Eu gosto.
Clementine: Essa empresa tem toda uma linha de cores com nomes bacanas. Ameaça vermelha. Febre amarela. Revolução verde. Seria um bom emprego inventar esses nomes. Acha que pode haver um emprego desses? 
Joel: Quantas cores de cabelo podem existir. 50, talvez? 
Clementine: Alguém faz esse trabalho. Agente laranja. Eu inventei esse. Coloco minha personalidade numa pasta.
Joel: Dúvido muito.
Clementine: Você não me conhece então não sabe, sabe? 
Joel: Eu só estava tentando ser legal.
Clementine: Tá, saquei.